Life is Strange - Games



Olá amigos de Praxe,
Hoje é um dia mais que especial aqui no blog, graças a nossa querida Leticia Iarossi que foi a BGS(Brasil Game Show) e adorou o evento agora temos material inicial para falar sobre uma área que amo que é “GAMES” e a partir de agora em diante esse aqui que vôs escreve irá fazer resenhas de jogos para variadas plataformas, irei mostrar os melhores games que vocês podem jogar, para celebrar mais esse novo espaço resolvi escolher um jogo onde uma miscêlania de emoções torna esse título um dos jogos mais emocionantes e apaixonantes do últimos tempos e seu nome é, Life is Strange, esse título é recente e ainda vem conquistando muitos corações assim como o meu foi também.

Antes de continuar falando como esse jogo é maravilhoso deixem eu entrar com o papo técnico que todos amam, Life is Strange é um jogo de estilo episódico do gênero “Adventure” desenvolvido pelo estúdio francês Dontnod Entertainment e publicado pela (“foderosa”) Square Enix, Ele consiste em cinco episódios lançados periodicamente entre janeiro e outubro de 2015 para as plataformas PC, Playstation 3, Playstation 4, Xbox 306 e Xbox One. Nele temos uma Staff totalmente diferenciada, porém fizeram um ótimo trabalho a direção de Raoul Barbet e Michel Koch foi impressionante e é o fator de destaque do jogo que faz com que você se envolva de uma maneira única o que para mim foi fundamental para o diferencial que ele oferece, claro que toda a Staff merece mérito desde o produtor até mesmo a arte é fascinante, um fator legal de citar é a própria arte que tem uma proposta mais ilustrativa sem esquecer o poder da tecnologia que temos hoje em dia e é nessa mistura que temos também algo único, tudo é maravilhoso.


SPOILER ALERT 
A história de Life is Strange gira em torno de Maxine Caulfield, uma estudante de fotografia que descobre possuir a habilidade de voltar no tempo em qualquer momento, fazendo com que cada escolha sua crie um tipo de efeito borboleta. Saindo daí “Max” tendo uma visão do farol da cidade sendo destruído por um gigante tornado. Ela acorda de repente na aula de seu professor Mark Jefferson em sua aula de fotografia. Para retomar sua postura, ela decide ir ao banheiro, e lá ela presencia seu colega de sala Nathan Prescott assassinar uma menina. Com um esforço desesperado Max volta o tempo e acorda novamente em sua aula de fotografia, pensando que estava tendo um sonho dentro de um sonho. A heroína percebe que os fatos, as falas das pessoas e do professor eram idênticas as de sua visão e nisso toma nota que na verdade aquilo não era falso, ela realmente estava viajando no tempo. No instante que se dá conta, Max corre em direção ao banheiro novamente para tentar salvar a menina que havia sido morta, usando sua recém adquirida habilidade. Após salva-la, é revelado que ela é Chloe Price, sua melhor amiga de infância. Max e Chloe se unem novamente e vão até o mesmo farol de seu pesadelo. Max, então, revela a Chloe sua capacidade de viajar no tempo. É revelado que não era apenas um sonho, e sim uma previsão do futuro, e a tempestade, um desastre que se aproxima da cidade.

Valendo lembrar que ações do jogador ajustam a narrativa enquanto ela se desenrola. Missões secundárias e a realização de mudanças ambientais representam formas de quebra-cabeças, gerando “consequências” para cada ação, então antes de sair apertando qualquer botão para rolar a história mais rápida lembre que é um jogo que tem que ser pensado em cada resposta e atitude que for tomar (Assim como a vida real galera...rsrsrs).


Algumas curiosidades antes de terminar a resenha, como já dito suas ações iram gerar consequências em qualquer fator até mesmo no amor, só para avisar aqui contém um Spoiler: se caso você gostou das Max e Chloe como um casal isso é bem possível, basta pensar bem em suas respostas, mas isso também funciona para outros personagens o importante é amar de verdade. Outra curiosidade que o jogo ganhou diversos prêmios durante sua fase de lançamento por isso estamos falando de uma celebridade e por último para aqueles que possuem um Playstation sendo 3 ou 4 a boa notícia é que o “Episode 1: Chrysalis” está disponível gratuitamente para ser baixado para seu console, sobre até quando irá durar essa promoção não sei muito bem, mas suspeito que é até o meado do mês que é quando gira a leva de jogos na PSN Store.


Bom galera, espero que tenham gostado da resenha e o novo quadro aqui no blog, breve irei falar mais sobre outros jogos, caso tenham alguma dúvida ou queiram acrescentar deixem seu comentário a baixo. Obrigado e até a próxima.

Trailer


Share this:

JOIN CONVERSATION

    Blogger Comment

0 comentários:

Postar um comentário