O Teorema Katherine de John Green

A história retrata a vida de Colin Singleton, um garoto prodígio viciado em anagramas.
Um dos fatos mais incríveis sobre ele é que namorou dezenove garotas com o mesmo nome, nem uma nem duas, mas dezenove. Após o fim do seu décimo nono relacionamento, Colin fica muito arrasado, resolvendo assim partir em uma viagem com Hassan, seu único e melhor amigo.

"É possível amar muito alguém. Mas o tamanho do seu amor por uma pessoa nunca vai ser páreo para o tamanho da saudade que você vai sentir dela."

No decorrer da viagem, ele acaba indo parar numa cidadezinha chamada Gutshot, no Tennessee, onde conhece Lindsey, uma garota caipira e muito linda que logo passa a ser amiga dos dois garotos. E é nessa cidade que Colin teve a ideia de inventar uma fórmula pora prever quando será seu próximo relacionamento e quando irá terminar.


"Ele gostava de todos os livros, porque adorava o simples ato de ler, a magia de transformar os rabiscos de uma página dentro da cabeça."

O livro é repleto de bom humor, chega a ser cativante e muito envolvente. Sobre os personagens posso dizer que Hassan é o melhor, com seu jeito engraçado de enfrentar os problemas ele conquista o leitor de cara. Colin porém é irritante.  O livro também apresenta muitos rodapés que servem para facilitar o entendimento do leitor sobre algumas informações. A matemática também presente no livro é tranquila e de fácil entendimento. O livro é meu favorito dentre os quatro escritos por Jonh Green, pois ele não é tão dramático quanto os outros. Recomendo, principalmente para quem é apaixonado por matemática e está em busca de uma boa dose de risada.

"Qual o sentido de estar vivo se você nem ao menos tenta fazer algo extraordinário? Que estranho acreditar que um Deus lhe deu a vida e, ao mesmo tempo, achar que a vida não espera de você nada mais que ficar vendo TV."

Informações do autor:
Um dos escritores norte-americanos mais queridos pelo público jovem e igualmente festejado pela crítica. Jonh Green é autor best-seller do The New York Times, premiado com a Printz Medal, o Printz Honor da American Library Association e o Edgar Award e foi duas vezes finalista do prêmio literário do LA Times.




| Livro: O Teorema Katherine
| Autora: John Green
| Editora: Intrinseca
| Páginas: 304
| ISBN: 9788580573152

Share this:

JOIN CONVERSATION

10 comentários:

  1. Lígia Quero muito ler O Teorema de Katherine. Só vejo elogios para este livro de John Green. E essa resenha é mais uma amostra de que é mesmo imperdível.
    Beijos !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Recomendo bastante, pois foi o único livro do Jonh Green que o final me agradou ;)

      Excluir
  2. Amo John Green (desde a época do VLOG Brothers), mas não consegui terminar o teorema de Katherine :/ Acho que talvez tenha sido pela época que tentei ler (turbulência de TCC de exatas, e todas aqueles pensamentos dele me irritavam). Vou dar mais uma chance.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lhe garanto que não irá se arrepender. E eu também sou apaixonada por John, rsrsr. Abraço ;)

      Excluir
  3. Confesso que não gostei desse livro :( achei muito cansativo e sem "rumo".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. La Rocca confesso que quase não termino o livro porque aquelas fórmulas todas me confundiam bastante, mas gostei do final, até me surpreendi, porque já estava esperando alguma coisa ruim acontecer, pois é típico de Jonh, rsrs. Abraço!

      Excluir
  4. Olá. O único livro que li de John Green, foi Cidades de Papel. Sinceramente os outros não me chamam a atenção, apesar de sempre ver muitos comentários sobre os mesmos. Mas quem sabe em algum momento eu venha a ler. Sia resenha, muito boa. Obrigada. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Márcia, tudo bem? Se eu fosse você eu leria, pois pode você não se interessa por um como pode se apaixonar por outro. Eu sinceramente amo John Green, então eu super recomendo. Um abraço! ;)

      Excluir
  5. Oi Lígia, até o momento, eu só li um livro do João Verde (A culpa é das estrelas), gostei muito da escrita dele e vivo falando em ler outros trabalhos.
    Tenho muito medo desse livro em questão, pois já vi varias resenhas negativas, o que me desmotivou, mas isso prova que devo dar uma chance pois vc passou bons momentos com a leitura!

    Bjos
    Blog Relíquias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Aline, eu também vi muitas resenhas negativas sobre ele, eu particularmente adoro ele, porém os pontos de vista das pessoas são diferentes. Eu acho que a maioria dessas críticas não tem nada a ver, eu recomendo rsrs. Abraço! ;)

      Excluir